Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Não será necessário um estudo muito aprofundado da nossa sociedade para perceber em que pé estamos. Basta ter uma página no Facebook e deixar que a informação dos nossos amigos venha até nós.

Mas que informação é essa na maioria das vezes? Infelizmente nenhuma.

Hoje em dia não é necessário pensar muito nem fazer grande esforço para expôr uma ideia, seja ela qual for. Basta partilhar.

 

Gostas de ser mãe e achas a maternidade maravilhosa? Claro, não te esforces muito para tentar que os outros entendam isso, agarra numa daquelas fotos com frases feitas e partilha. Fico exactamente na mesma quando ela passar no meu feed de notícias, fico sem saber ao certo como te sentes nessa jornada.
Sentes uma revolta imensa contra o Governo, os cortes, a austeridade, a Troika, o raio que os partam? Achaste que o que aquele tipo escreveu no outro dia num blog ou num jornal qualquer é exactamente o que pensas? Então pronto. Partilha o que ele escreveu, não escrevas tu. Não te dês a esse trabalho. Eu iria gostar mais, garanto-te, de saber como tudo isto tudo te foi ao bolso, que consequências teve na tua vida, como te sentes, TU, em relação a tudo isto. Mas não, optaste por partilhar, e mais uma vez não levei nada de ti.
Gostas de animais? Mesmo? Ah, claro, partilhas imenso iniciativas de associações de animais, fotografias de animais para adopção e adoras animais. Sabes aquele cão abandonado na tua rua? Já lá foste dar-lhe comida? Partilhaste isso com ele?

 

Hoje em dia, com tantos meios de comunicação, estamos cada vez mais afastados uns dos outros. Apenas e somente porque uma grande maioria optou pela via mais fácil, a da partilha. E se a palavra partilhar até é das mais bonitas do nosso dicionário, nestes casos torna-se completamente vazia de conteúdo.
Mas isto sou eu, que nunca gostei de rebanhos. Só dos verdadeiros.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


7 comentários

Sem imagem de perfil

De 4you4us a 22.10.2013 às 17:50

Adorei a reflexão de se ser ovelha fora do rebanho e ADORAR ;)
Realmente partilhamos tanta m*rd* só porque sim, que o que é realmente importante mantêm-se na gaveta atulhada de pensamentos!
Imagem de perfil

De Gaja a 23.10.2013 às 11:31

É mesmo isso 4you4us.
Acho que a frase a reter é essa: "partilhamos tanta merd@ só porque sim"

Bj da Gaja
Sem imagem de perfil

De orapazdalaranja a 22.10.2013 às 20:38

Aaaiii... que tens um amargo tão doce... e muita razão também, mas olha que ninguém mandou o pessoal deixar-se dos blogs e ir para o FartaBrutus... se calhar anda-se a querer ter a exposição e coscuvelhice do FB e a vivência da blogosfera num mesmo sítio.... e não eras tu a falar de facilitismos?!
;)
Imagem de perfil

De Gaja a 23.10.2013 às 11:33

Nada a ver, blogs são blogs, FB é FB. Mas sim, o sucesso do FB deve-se essencialmente ao facilitismo. Ou ao "partilhismo"

Bj da Gaja
Imagem de perfil

De Calipso a 22.10.2013 às 22:06

Não estás sozinha... não és a ovelha ronhosa do rebanho! Juntos somos um rebanho que partilha pensamentos próprios, palavras sentidas e juízos com valor!
Imagem de perfil

De Gaja a 23.10.2013 às 11:34

Ainda vai sendo essa a minha esperança. É que a ovelha ronhosa não seja apenas uma como a da foto :)

Bj da Gaja
Imagem de perfil

De Calipso a 23.10.2013 às 11:37

Oh gaja não te preocupes que pelo menos dois seremos! Beijo

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor