Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


01
Fev08

A piada em escrever posts do género do anterior, é o facto de eu, ao escrevê-los, ter quase a certeza absoluta que a parte mais importante da mensagem não irá chegar ao destinatário. Neste caso específico, aos leitores deste blog.

Por vezes, gosto de fazer este género de experiências para comprovar se de facto aquilo que eu penso, faz algum sentido ou não.

Senão vejamos: O post era apenas e somente, uma forma de desabafo acerca de uma característica feminina que tanto me irrita como me fascina. Ou seja, a capacidade de dissecar assuntos sem grande importância. Esta característica assume contornos ainda mais drásticos nas mulheres, quando o assunto em questão é: outras mulheres.

E aqui não estou a colocar-me de parte, pois dou por mim, algumas vezes, a entrar nestes filmes.

O post anterior, não era sobre a Luciana Abreu. Apenas a utilizei como "ilustração".

Mas o que é que aconteceu? Aquilo de que eu já estava à espera.

Nos comentários voltaram a dissecar o assunto Luciana Abreu.

 

 

Sendo assim, vou também eu, e em modo de esclarecimento, dissecar um bocadinho:

 

 

Não comparei a Luciana Abreu com a Madonna. Aliás nem existe termo de comparação. Estamos a falar de duas realidades bem diferentes.

Apesar disso, não nos podemos esquecer das constantes transformações que a Madonna sofreu ao longo destes anos, numa das manobras de marketing mais bem sucedidas da história da música.

Porque é a isto que os artistas são obrigados. A terem estratégias que os permita continuar no mercado.

Quando eu digo que a Madonna surgiu com um visual de prostituta de bar de alterne, refiro-me aos comentários da época. Recordo-me perfeitamente do seu "Like a Virgin" e de toda a polémica que aquele teledisco provocou e também de muitos que se seguiram.

A sua carreira musical nasceu com chave de ouro. Chocou logo no ínicio, foi considerada uma devassa durante alguns anos e hoje em dia é considerada uma senhora da música.

Foi uma boa estratégia.

A Luciana Abreu teve uma boa estratégia? A meu ver, não. Mas é o que acontece por cá, neste nosso Portugal. Esta nova vaga de artistas jovens que vão aparecendo, seja em concursos ou novelas acabam todos enredados neste mercado nacional que de tão medíocre até mete dó.

A artista em questão tem uma voz excepcional, tomara a Madonna ter uma voz assim. Quando ela surgiu tive esperanças que ela tivesse sorte (seria preciso muita) e talvez quem sabe, com um bom agente e um bom aconselhamento seguisse uma carreira musical de valor.

Quando dei por isso, já ele andava a representar a Floribela e a dizer umas parvoíces tanto para revistas como na televisão. Pensei para mim: Esta já está "endrominada".

Por isso, ela aparecer agora com esta nova imagem e atitude, não me choca nada e muito menos me admira. É apenas o percurso normal deste género de artistas que se deixam levar ao sabor da corrente.

Agora, o que me admira é:

Porque é que tanta gente se admira?

 

 

 

Ah!!....e Daniela? E eu, que gosto cá pouco de discussões ia logo discutir contigo não? Deves pensar.....Ó melher deixa-te de coisas e vem cá defender os teus pontos de vista sempre que quiseres!

 

 

(Pôrra! Que isto ficou grande comó caraças....)

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

Sem imagem de perfil

De Pedro a 02.02.2008 às 17:45

No seguimento do meu comentário ao post anterior, penso que a Madonna e a Luciana são completamente diferentes, até no percurso, a Madonna começou como "devassa" e acabou, salvo seja, a escrever histórias infantis, a Luciana iniciou-se,salvo seja, com histórias infantis e passou para uma fase digamos mais de dár o corpo, e que corpo, ao manifesto, salvo seja!
Enfim, percursos de vida!
Sem imagem de perfil

De Crisálida a 03.02.2008 às 14:02

"A piada em escrever posts do género do anterior, é o facto de eu, ao escrevê-los, ter quase a certeza absoluta que a parte mais importante da mensagem não irá chegar ao destinatário"

Ih, amiga, não és a única... Por mais esforço que façamos em sermos claras, sempre são olhos diferente que lêem, e cada um tem uma forma toda pessoal de interpretar as mesmas coisas... Não tem jeito.

No post anterior, não passou nem longe da minha cabeça que estavas a comparar Madonna com ela. Exatamente pelo que disses: não há comparação. Madonna foi um gênio da auto-promoção. Ponto. Soube, acima de tudo, manipular a própria vida pessoal em benefício da sua carreira como pouquíssimos artistas conseguiram. Víamos e não víamos estratégia. Estava na cara que era estratégia, mas ao mesmo tempo estava na cara que era só a vida pessoal dela que era intensa e cheia de metamorfoses. Ela foi um gênio nesse ponto, na minha opinião pessoal.

Beijos! :-)

PS: Estou adorando ler esses posts! :-)

Imagem de perfil

De jts a 04.02.2008 às 12:37

Olá minha querida, gostei do teu texto...que considero de uma actualidade incrível!
As mulheres - e também alguns homens - são realmente um pouco assim, consoante as descreves. Mas, eu tenho uma opinião muito diferente.
As mulheres são realmente à face da terra uma prenda maravilhosa que nos foi legada por Deus. Porém, à diferentes formas de as ajuizar:
Há as que têm um coração do tamanho do mundo - bonitas ou não - e há as que têm uma alma melhor que o coração.
Eu, escolheria as primeiras. Porquê:
Uma mulher com um grande coração, em 99% das situações, é querida, afável, tolerante, amorosa e até sensual...
Penso que te encontras no lote das primeiras, verdade ou mentira?
Estes blogs, servem também para nos expormos, com respeito e grande amizade, só isso.
Um beijo, JTS
Sem imagem de perfil

De mother_24 a 04.02.2008 às 17:09

Por acaso percebi o contexto do teu ultimo post, mas já que estamo numa de atirar postas de pescada, olha lá atirei a minha mal-cheirosa á peneirenta da ana malhoa :D

seja como for, neste mundo de artistas portugueses, venha o diabo e escolha, fonix!!

Imagem de perfil

De Notasenroladas a 04.02.2008 às 17:40

Não há comparação possível entre as duas nem sei quem pensou em tal coisa. O que posso dizer que a Luciana está uma mulher deveras interessante pelo menos a nível físico . Acontece que quando abre a boca para entrevistas e apresentações realmente precisa de alterar aquele ar de boa samaritana pois tem que aprender a sair das personagens. O próprio sotaque e a entoação não a favorece. Por isso aproveito para desejar que a Luciana apareça mais vezes de preferência em revistas e deixe a televisão, pois isso era um favor que faria a mim e a todos nós. Acho Eu........

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor