Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


...e sem conhecimento de certos pormenores, saio da primeira ecografia com um sentimento estranho. A pergunta "Mas passa-se alguma coisa?" não teve a resposta que eu precisava e ao chegar a casa, olhando bem para o relatório vi algo que não entendi. Fui ler, fui investigar, fui vasculhar tudo e mais alguma coisa. O relatório falava na não visualização dos ossinhos do nariz (coisa que nem me foi revelada durante a ecografia) e também aquilo para o qual fui alertada, do valor da translucência da nuca estar elevado. Ao juntar estes elementos comecei a ler damasiadas vezes as palavras "Trissomias" e "Síndrome de Down". Começou o chão a fugir-me e entrei em pânico. Liguei para a minha médica e não consegui encontrá-la, talvez só lá para terça-feira. Seriam 3 dias de ansiedade, de muito choro e desespero.

Quando consegui falar com ela, tentou ao máximo descansar-me, que não ficasse assim, que conhecia a médica que me fez a ecografia e que ela tem essa mania de ser alarmista. Levou-me para vermos o bebé, apesar de não ser ecografista (utiliza o aparelho apenas para tirar algumas dúvidas) viu-me tão desesperada que quis a todo o custo descansar-me e disse: "Nunca vi um bebé com problemas a mexer-se desta maneira! Está óptimo! Vá, não fiques assim"

De qualquer das formas disse para eu marcar quanto antes um rastreio combinado, ou seja, repetir a ecografia e juntá-la com uma análise bioquímica. Saí do gabinete dela 60% mais descansada, faltavam-me os outros 40%, esses que me levaram durante uma semana a questionar uma série de coisas, em que as palavras "E se?" bailavam na minha cabeça a grande velocidade.

 

No dia em que saí da segunda ecografia, vinha com um misto de sentimentos. Um deles de grande felicidade e outro de raiva em que só me apeteceu partir o focinho a certa pessoa. Afinal tudo não tinha passado de um engano. Os ossinhos estavam claramente visíveis e se a médica da primeira ecografia não os tinha visto foi porque não fez uma correcta ampliação da imagem do bebé. Os valores da análise bioquímica estavam perfeitos. O bebé está bem :)

Fiz esta ecografia em Entrecampos com a Dr Marina do Vale, que me pareceu uma excelente profissional. Explicou-me tudo em pormenor e não me deixou sair dali com qualquer dúvida. Gostei muito dela porque continuo a achar que para além do profissionalismo deverá existir acima de tudo uma grande capacidade de compreender o ser humano e é assim que se querem os médicos. Se não estiverem aptos a tal, que vão fazer autópsias que ao menos ali já ninguém se queixa.

 

Quanto à raiva, entretanto passou-me mas não deixa de ser lamentável o balúrdio de dinheiro que gastámos com toda esta "brincadeira" mas principalmente, e isso não tem qualquer preço, a semana de sufoco e ansiedade que passámos.

 

Soube que o blogue esteve em destaque e gostaria de agradecer, com algum atraso é certo, à equipa do Blogs do Sapo. Apenas na altura não estava com grande "apetite" para festejos.

E queria igualmente agradecer todas as palavras que me foram deixadas no post anterior com os vossos conselhos e experiências. Eu chego lá, vão ver! Já faltou mais! :)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor