Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


12
Jul13

As doces ofertas

por Gaja

 

Não passa quase semana nenhuma, ou por vezes até mais que uma vez na mesma, em que um coleguinha do Dinis não celebre o aniversário na creche.
Ora quando o vou buscar, quase sempre também, lá vem ele com mais um saquinho com chupas, rebuçados, smarties, gomas etc. As típicas lembranças de aniversário.
E eu fico sempre meio naquela "Oh não, mais um!". Porque a verdade é que a maioria das vezes o destino de tão doce lembrança é o.....lixo.
Eu sei que as mamãs e os papás fazem aquilo com a melhor das intenções como é óbvio, daí nunca me ter sentido à vontade para dizer algo como "ah e tal isso é muito giro mas não vou levar".

Mas o que acontece é que o Dinis raramente come doces, não que não goste, apenas porque tenho tentado ao máximo apresentá-lo a esse mundo o mais tarde possível. A minha teoria é a de que se não conhecer, não gosta, tão simples como isso.
Se disser que só há 2 ou 3 meses é que comeu um chupa-chupa pela primeira vez, ninguém acredita. Ou que nunca comeu um rebuçado. Ou que só comeu chocolate 3 ou 4 vezes e muito pouco. E que bolachas, apenas Maria, ainda assim aquelas que dizem fazer menos mal e com menos teor de açúcares.

Sendo assim, faço aqui um apelo a todos os pais para repensarem essa questão das ofertas, porque no fundo ao mandar um saquinho do género para o lixo, estou também a mandar o vosso dinheiro e isso é coisa que não se quer.
Imagino que não seja a única a fazer isto, daí achar que a coisa começa a ganhar contornos graves. Porque basta fazer a conta a milhares de crianças por este país fora. A umas, que irão consumir o tal saquinho (onde estarão à volta de 150gr de açúcar puro, corantes, conservantes e outras coisas que nem quero saber) provocará problemas de obesidade e saúde e a outras, as tais que não consumirem, não prejudicará absolutamente nada. Mas não terá o acto de mandar os tais doces para o lixo impacto ambiental? Impacto na carteira dos pais? Não será disparatado?

No espaço de 1 ano e tal, apenas uma vez, uma!, o Dinis trouxe uma oferta que me pareceu absolutamente genial de tão simples que era: uma mãe recolheu imagens diversas, de personagens conhecidos entre os pequeninos (Mickey, Hello Kitty, Noddy, Ruca etc), imagens para colorir, juntou-as num caderninho e na capa colocou o nome da sua filha e assinalou a data do seu aniversário.
Ainda hoje o caderninho anda por aí. Já foi pintado (rabiscado) pelo Dinis e de vez em quando volta a ele e continua o trabalho.

Não fará isto muito mais sentido?
Contem as vossas experiências, também gostava de saber como é desse lado :)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor