Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


08
Out08

Filmagem de Rendall e Bourke no início dos anos 70 ao reencontrarem o leão Christian, um ano depois de o terem entregue a um parque do Quénia. O leão vivera com ambos no apartamento de Londres. Apesar de todos acharem que Christian não os iria reconhecer, este é o testemunho do encontro dos três.

 

 

 

Texto e vídeo retirado (com uma lata do caraças) daqui. Obrigada Vespinha por partilhares isto.

 

 

Escusado será dizer, que o cenário por volta da uma da manhã, era o de uma Gaja inundada em lágrimas, enternecida com tais imagens.

Fui passear pelo Youtube em busca de mais informações. Vi uma entrevista feita já este ano na Austrália, com John Rendall e Ace Bourke e também este vídeo com a totalidade das imagens do reencontro.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

05
Out08

Porque razão, certas pessoas com quem não convivemos diariamente nos deixam ainda mais saudades quando vão para longe?

 

Este é do mano, escrito directamente de Londres e que me fez sorrir logo pela manhã:

 

De yxis a 4 de Outubro de 2008 às 23:12
Devias andar pelas ruas de Londres, a sentir este multicultarismo, a civilização num expoente máximo! Tal como o Eça o descreve, mas não fiquemos tristes porque tal como o MEC diz não temos a boçalidade destes camponeses! Isto é o máximo, um frio agradável e tudo muito organizado, e o que não está vai ficar de imediato! Agora vou ali "have some capuccino and a walk on St. James Park" e já volto!:P

Beijos
 
Espero bem que voltes e fica desde já combinado: Para o ano vou aí contigo para confirmar a boçalidade desses camponeses.
 
PS: Não te esqueças daquilo que conversámos acerca do Museu Madame Tussauds (mas se o Brad Pitt de cera não tiver pavio, esquece e não tragas. Se bem, que mesmo sem efeito sempre o poderia colocar ao lado dos anões que assim como assim também não servem para nada mesmo e fazia ali uma obra de arte ao lado da churrasqueira...)
 
 
 
 
 
 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Embirro quando descubro que o pacote de bolachas que acabei de abrir contém algumas partidas.

É que às vezes basta ser uma. Fico lixada da vida!

 

E parecendo exagero ou não já estive para escrever uma carta à Triunfo a queixar-me do facto.

Sim, eu sou parva, eu sei.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 2/2



Mais sobre mim

foto do autor