Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


16
Jun05
Então uma gaja passa o dia fora e quando à noite vem aqui dar uma espreitadela ao seu blog repara que nem um comentário deixaram. Épá isto desanima qualquer gaja. Ainda mais depois de um dia tão interessante, em que andei à procura de uma camisola minimamente engraçada pa levar a um casório ( adoro casórios...cof...cof...).
Mas isto dos comentários é que não curti, atão mas o qué isto? ein? É que eu sei que a malta vem aqui espreitar, foi para isso que parti a carola a meter ali do lado esquerdo um contador. No inquérito das pratadas lá vão votando mas comentários népia. Por falar no inquérito, o Cozido continua em força.
Tou a ser chata comó caraças não tou? Não liguem que isto é o disco rígido que já está a ficar cheio...de sono.
Ahhh, só mais uma coisa. Alguém me explica porque é que o Sapo não mostra as actualizações? É que o estúpido do animal tá para ali há uns 5 dias sempre com os mesmos.
Bem...é desta, vou fazer um Ctrl Alt Del e já volto....

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.06.2005 às 23:53

Oi super, como te tinha dito mudei o blog para este www://engarrafamentos.blogs.sapo.pt onde vou colocar os melhores (leia-se: os que mais gostei de publicar)do outro blog e que devido a tanta experiencia ficou inop. claro por minha culpa. Olha acho que já resolvi o problema das fotos que não apareciam. Já deves conhecer alguns posts mas entretanto acabam porque o blog era recente e vou continuar com a caminhada atravez do "engarrafamentos" com o mesmo sentido do outro que ainda lá está mas com um link no ultimo post para aceder ao novo.
Continua com a tua escrita que eu adoro é simples e sincera. Olha eu por mim não vou muito à bola com os casamentos, ainda pra mais com um tempo destes.
bj supergaja.nelson.al
(http://engarrafamentos.blogs.sapo.pt)
(mailto:nelson.al@sapo.pt)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor