Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Era com um brilho nos olhos que estava naquele dia. Ia contando a todos o regresso da sua Laura marcado para essa tarde com tiques de alegria e impaciência. Corria todas as janelas para tentar avistar a ambulância que a iria trazer de volta e quando ela chegou parecia um garoto.

" 60 anos menina, 60 anos de casamento...é uma vida." - dizia ele com o peito inchado de orgulho.

Aos olhos de muitos, tamanha alegria era incompreensível. A sua Laura voltara sem ver, sem andar, sem falar. Mas para ele isso eram pormenores. A sua Laura voltara.

Não passou muito tempo e aquele corpo fragilizado teve o fim que todos previam.

Ele, chorou tudo aquilo que não se imagina que um homem chore.

 

E eu, da mesma janela por onde o vi caminhar em direcção à capela onde ela estava, vi-o nem duas semanas depois a sair dela para ir ter com a sua Laura...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor